segunda-feira, julho 08, 2024

Atividade de férias!


O livro "Ai que tédio" foi premiado!
Através da Lei Paulo Gustavo recebeu uma nova impressão.
E pra comemorar vamos fazer um lançamento especial:
- Aberto ao público;
- Com as presenças do escritor, da ilustradora e da personagem;
- Com oficina de pintura e de poesia infantil;
- E com o livro pela metade do preço: R$ 10,00 somente neste dia.
 
Será uma atividade de férias. Então levem as crianças pra que elas participem desse momento criativo, cultural e saudável.
 
Todas as informações estão aí no cartaz. Qualquer outra dúvida envie mensagem para o whatsapp: (11) 99526-3561


 

quarta-feira, junho 26, 2024

Direção - Poema

Intervenção Literatura e Paisagismo - Revitalizando a Quebrada.
Suzano - SP.
Texto: Escritor Sacolinha
Arte: Vander Che

quarta-feira, junho 19, 2024

Momento ostentação


"Hoje eu tenho a possibilidade de ostentar muitas coisas, mas o que mais me dá orgulho é quando alguém entra em minha casa e eu posso exibir a minha biblioteca particular. Essa é a minha ostentação."

(Do livro Dente-de-leão: a sustentável leveza de ser")

Escritor Sacolinha

quarta-feira, junho 05, 2024

Workshop gratuito

 


No último sábado de junho eu, Escritor Sacolinha, vou ministrar um workshop de 4h destinado aos escritores que querem elevar o seu trabalho a um outro nível e ter uma renda com a literatura ou mesmo, viver de literatura.

Este workshop tem a inscrição gratuita porque foi aprovado pela Lei Paulo Gustavo do Governo Federal. São 30 vagas. Após o preenchimento das vagas, será feita uma fila de espera.

Público alvo: Escritores (as) que tenham, ao menos, um livro publicado.

quinta-feira, abril 11, 2024

Sobre choro e nó na garganta


  Trecho do livro "Dente-de-leão: a sustentável leveza de ser" - Escritor Sacolinha.

quinta-feira, março 21, 2024

Poesia nos muros

A idade adulta me trouxe a dor de cotovelo.

As crianças são o meu alvo. Morro de inveja delas.

Sacolinha

quinta-feira, março 14, 2024

sábado, março 09, 2024

Bienal de Guarulhos


⚠️ ATENÇÃO ⚠️
Pais, mães e professores de Guarulhos - SP.
O livro "Ai, que tédio" estará na Bienal do livro de Guarulhos para atender aos alunos da rede municipal. E o melhor: será aceito o CREDILIVRO.
E pra ficar melhor ainda, estarei na Bienal em dois dias, para duas sessões de autógrafos.
Marquem aí:
- Dia 15/3 das 14h até as 16h
- Dia 22/3 das 10h até as 12h
Local: Stand da Livraria LITERARUA, nº 38
Vou atender todas as crianças, com autógrafos, fotos e até uma troca de ideia.
Aguardo vocês!


 

quarta-feira, fevereiro 28, 2024

Poesia nos muros


73ª intervenção do projeto Literatura e Paisagismo - Revitalizando a Quebrada.

"Informação se acha no google, sabedoria não" Escritor Sacolinha.

Local: Jd. Revista - Suzano - SP
Ideia, textos e concepção: Escritor Sacolinha
Artista urbano dessa edição: Rodione


 

quinta-feira, fevereiro 22, 2024

Meus livros em E-book

Dos meus 12 livros publicados, 10 estão disponíveis em e-book.
Com apenas um clique, na Amazon, você pode ter em seu celular ou aparelho Kindle, qualquer um deles, e pela metade do preço do livro impresso.
E se você tem o Kindle unlimited, consegue os livros gratuitamente. Só não tá nessa lista o "Entre amar e morrer, eu escolho sofrer" da editora Todavia, pois tem outro tipo de contrato.


 

quarta-feira, fevereiro 14, 2024

Curso para Escritores


Salve, Escritores!
Esse post é para avisar que desde o ano passado tá disponível na plataforma da Hotmart meu curso "Escritor Empreendedor". Lá eu reuni todo o aprendizado que eu tive ao longo dos meus 22 anos de carreira, para quem quer viver de literatura. Desde 2013, a minha maior e melhor renda vem da literatura. Porque ser escritor é também uma profissão. E é possível não somente viver de literatura, mas também ter uma vida abundante em todas as questões.
PS: O curso é somente para quem já tem livro publicado.


 

terça-feira, fevereiro 06, 2024

Fim de um ciclo

 EU NUNCA IMAGINEI QUE ESSE MOMENTO CHEGARIA. MAS DEVO RECONHECER QUE TUDO TEM UM FIM. OS CICLOS FINALIZAM PARA QUE A GENTE COMECE OUTRO.


quinta-feira, fevereiro 01, 2024

Palestra para Educação Infantil

Mais uma intervenção baseada em meu livro infantil "Ai, que tédio".
Essa aqui é da EMEF Amália Maria de Jesus, que fica no Jd. Revista em Suzano - SP.
É lindo ver a releitura e as intervenções das crianças em cima da obra. E toda vez eu me surpreendo, com as ideias, os traços e os detalhes.

Em 2024 visitarei mais 10 escolas de educação infantil, para apresentar e falar do livro "Ai, que tédio", que tem a minha filha, Laura, como personagem e a artista Jana Santos como ilustradora. Tá um livro muito bonito e interessante para trabalhar a alfabetização e a leitura com as turmas de 1º ao 4º ano.

Escolas interessadas chamar a Alanda no whatsapp: (11) 99526-3561



 

quarta-feira, janeiro 24, 2024

Quanto vai te custar?


 

Não deixe a indústria alimentícia ditar o seu paladar.
A fatura chega. E o preço é alto.

quinta-feira, janeiro 18, 2024

Poesia nos muros

72ª intervenção do projeto Literatura e Paisagismo - Revitalizando a Quebrada.
 
 Local: Jd. Revista - Suzano - SP
Ideia, textos e concepção: Escritor Sacolinha
Artista urbano dessa edição: Raça Lima
 


 

quinta-feira, janeiro 11, 2024

Peripécias em e-book

 


Você já pode ler o livro "Peripécias de minha infância" na versão virtual. O e-book pode ser adquirido no site da Amazon pela metade do preço da versão impressa. E se você tiver o kindle unlimited o livro sai de graça.
Aproveite e já baixe agora clicando aqui.

terça-feira, dezembro 05, 2023

Lançamento na Mário de Andrade


Nesta quarta-feira, 6/12, às 19h, tem lançamento da nova edição da revista da Biblioteca Mário de Andrade.
Ao longo da noite teremos o "Sarau para Mário" com as presenças de escritor Sacolinha, Binho, Helena Silvestre, Luan Luando e Carú de Paula (O Dr. Abobrinha do Castelo Rá Tim Bum).
Além da participação do Sacolinha no Sarau, tem texto dele na revista também.
Vai ser uma noite linda e memorável, na Paulicéia Desvairada.
Bóra?


 

domingo, novembro 26, 2023

Campanha de Adoção Literária


 Escritor Sacolinha distribuirá 2 mil livros novos

em comunidade carente neste fim de ano

 

Serão 2000 livros novos, entre infantil e infanto-juvenil, distribuídos em kits gratuitos para as crianças e os adolescentes da Comunidade do Rio Abaixo, em Suzano - SP. A ação será realizada no dia 20 de dezembro de 2023 e o autor acaba de lançar uma campanha de arrecadação financeira.

 

O escritor Sacolinha acredita que a leitura salva e muda vidas. Ele é um exemplo vivo dessa afirmação, pois sempre diz que se não fossem os livros em sua vida ele estaria à sete palmos de terra. Desde 2002 incentivando a leitura através de diversos projetos literários, Sacolinha procura criar condições para que o livro seja acessível e que vire um item de primeira necessidade, assim como é o arroz e o feijão.

Para tanto o autor vem desenvolvendo uma série de projetos, não somente em Suzano, como em vários lugares do país. “Se depender de mim, ninguém fica sem saber do poder que a leitura tem. Os livros são capazes de salvar vidas, mudar pensamentos e trazer progresso para a vida das pessoas. Não dá pra passar aqui pelo planeta Terra sem, ao menos, ter essa sensação que a leitura causa em nossas vidas” comenta Sacolinha, de maneira empolgada.

Para esta ação que ocorrerá no dia 20 de dezembro de 2023, Sacolinha conta com a colaboração das pessoas que são sensíveis à causa. O autor criou uma campanha para arrecadar o valor necessário para a compra desses livros e dos demais materiais que serão utilizados na confecção dos kits. “Eu tenho falado com amigos e parceiros para me ajudarem nessa, pois não é fácil conseguir contribuição financeira para projetos de leitura.” diz Sacolinha.

A doação será feita na Comunidade do Rio Abaixo, próxima dos bairros Jd. Revista, Jd. Varan e Jd. Margareth em Suzano. Trata-se de uma ocupação relativamente nova, prestes a completar 10 anos de existência. O bairro não tem escolas e nem UBS. Os ônibus não chegam até lá e não existe asfalto. O esgoto corre à céu aberto e o Rio Tietê passa há cerca de 200 metros dali.

Há alguns anos Sacolinha têm feito projetos de incentivo à leitura no local e já doou livros para a biblioteca comunitária que existia ali, e chegou a doar, com dinheiro do próprio bolso, mesas e cadeiras novas para aquela biblioteca.

O autor tem como meta arrecadar o valor de 25 mil reais em pouco menos de 30 dias. E afirma que, mesmo não atingindo esse valor, a distribuição será realizada com o que for arrecadado.

Quem tiver interesse em contribuir, pode fazê-lo por meio da plataforma Benfeitoria, procurando pelo nome da campanha: Campanha de Adoção Literária. Mais abaixo segue o endereço.

 

Serviço:

Campanha de Adoção Literária

https://benfeitoria.com/projeto/campanhadeadocaoliteraria?ref=search

 

Data da distribuição dos kits

20/12/23 – das 10h às 12h.

 

Local: Ruas da Comunidade do Rio Abaixo - Suzano - SP

 

Informações: (11) 99526-3561 Whatsapp

E-mail: contato@escritorsacolinha.com

 

Sobre o organizador: Sacolinha (Ademiro Alves de Sousa) nasceu em 9 de agosto de 1983 na cidade de São Paulo e é formado em Letras pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). É escritor, autor de romances, livros de contos e crônicas. Em sua trajetória já esteve em programas de televisão como Jô (TV Globo), Provocações, Metrópolis e Manos e Minas (TV Cultura). Trabalhou na secretaria de cultura do município de Suzano por oito anos (2005 a 2012), onde desenvolveu centenas de projetos de incentivo à leitura e de divulgação dos novos escritores, com destaque para o 1º Salão Internacional do Livro de Suzano. Trouxe para a cidade escritores como Ariano Suassuna, Marcelo Rubens Paiva, Ignácio de Loyola Brandão, Moacyr Scliar, Paulo Lins, Antônio Skármeta, Fernando Gabeira, entre outros.

 

Ganhou vários prêmios por seus livros e seus projetos. Nos últimos anos, tem viajado pelo país fazendo palestras e ministrando oficinas, principalmente em lugares vulneráveis e não muito comuns para eventos literários, tal como cadeias, penitenciárias federais, favelas, morros e associações de moradores. Nos anos de 2010, 2011 e 2012 prestou serviços para a UNESCO e para o Ministério da Justiça no projeto “Uma janela para o mundo – Leitura nas Prisões” nas Penitenciárias de Segurança Máxima Federais.

Desenvolve ainda uma palestra por semana nas escolas públicas do estado de São Paulo. Atualmente realiza o projeto “Literatura e Paisagismo – Revitalizando a Quebrada” que tem por objetivo o incentivo à leitura através da intervenção em espaços públicos com literatura, grafite e o plantio de árvores.

  

Redes sociais
YouTube: Escritor Sacolinha
Facebook: @escritorsacolinha
Instagram: @escritor.sacolinha


segunda-feira, novembro 20, 2023

20 de Novembro

Por 350 anos o Brasil teve sua economia ligada ao trabalho escravo: extração de ouro e pedras preciosas, cana-de-açúcar, criação de gado e plantação de café.
A conta da indenização não bate.

 

domingo, novembro 12, 2023

Sobre infâncias


Infância

Quando eu era criança vivia correndo atrás das pipas.

Hoje, que sou grande, as pipas caem em meu quintal.

Escritor Sacolinha!


 

domingo, novembro 05, 2023

Definição de felicidade

Eu, mar!

Felicidade é quando eu rio, e deságuo de alegria em mim.

Escritor Sacolinha!


 

terça-feira, outubro 31, 2023

Peripécias de minha infância


Bóra aproveitar o frete grátis e o desconto especial de pré-venda?
A 1ª edição de "Peripécias de minha infância" esgotou em 2018. E só agora foi possível fazer uma 2ª edição, revista, atualizada e com novas ilustrações, criadas pelo João Pinheiro.
Essa edição tá linda!


 

terça-feira, outubro 24, 2023

Sobre método de estudo!


"Era difícil aprender a lição de português com as cabeças de serpentes dando picadas na parede de seu estômago. Nesses tempos comia pedaços de borracha para apagar a fome". Sacolinha.

(Do conto “Foi Ariano quem fez os caracóis chorarem")


 

sábado, outubro 21, 2023

terça-feira, outubro 03, 2023

Mês das crianças

Livro Infantil

Sinopse: Laura tem 6 anos. É inquieta e cheia de energia. Desde os 3 anos já soltou muitas pérolas. Não se satisfaz com pouca coisa e a intensidade está bastante presente em sua vida. Taurina até os ossos, ela abre a dispensa de sua casa e, diante das prateleiras cheias de comida, é capaz de afirmar: Não tem nada pra comer!

Quase sempre tá entediada, mesmo com os brinquedos para recolher do chão, com o quarto para arrumar e as dezenas de tarefas domésticas que seus pais propõem.

Será que ela é única ou nesse mundo tem mais alguém igual a Laura? 

 

sábado, novembro 20, 2021

Sobre infância, negritude e revide




"... Passava nessa época um seriado muito conhecido chamado “Os Trapalhões” onde os únicos negros que tinham era o Mussúm que só queria saber de samba e de beber cachaça, e o Tião Macalé, um ator que só aparecia quando o programa ia para o intervalo e dizia; “Ih, nojento, tchan” – e sorria sem os dentes da frente. Ele era banguela."

Para ler a crônica completa, clique no link abaixo: 

https://escritorsacolinha.com/sobre-infancia-negritude-e-revide/ 

terça-feira, novembro 02, 2021

Doc. 2° Festival

Acaba de sair o documentário do 2º Festival Literatura e Paisagismo - Revitalizando a Quebrada, realizado em agosto de 2021 no bairro Miguel Badra, Suzano, SP.
O festival teve o apoio do Proac/LAB (Programa de Ação Cultural/Lei Aldir Blanc) e revitalizou 10 espaços, com o grafite de poesia, limpeza, plantio de árvores e saraus.

terça-feira, agosto 24, 2021

Podcast - Agência Mural

Conheça Sacolinha, o ‘pastor da palavra’ em Suzano



“Mc Cidinho & Doca” já cantavam na ascenção do funk carioca, em 2000, que: “Nunca vi cartão postal que se destaque uma favela, só vejo paisagem muito linda e muito bela”. E foi querendo ser feliz e andar tranquilamente nas periferias onde nasceu e vive, que Ademiro Alves de Sousa, conhecido como Sacolinha virou escritor e quis transformar essa realidade.

Para contar essa história, o Próxima Parada desembarca em Suzano, na Grande São Paulo, onde Sacolinha vive desde 1998. O escritor tem 9 livros publicados e é idealizador de diversos projetos de incentivo à leitura, um deles, “Literatura e paisagismo: revitalizando a quebrada”, que leva poesias para os muros das periferias de Suzano e os transforma em cartões postais.

Nesta segunda-feira (24), nós batemos um papo com ele e falamos sobre a vida, carreira, e a importância da valorização das potências das periferias.

Clique aqui para ouvir o podcast na íntegra

Balanço

Festival Literatura e Paisagismo gera empregos e dá vida nova à periferia

 


Iniciativa realizada pelo escritor Sacolinha com patrocínio do ProAC LAB contemplou a população do Miguel Badra Baixo e Alto com intervenções artísticas de grafite, poesia e plantio de árvores

 

Um colorido especial tomou conta das ruas do Jardim Miguel Badra Baixo e Alto, periferia de Suzano, no último final de semana, com o encerramento da segunda edição do Festival Literatura e Paisagismo – Revitalizando a Quebrada. A iniciativa idealizada pelo escritor Ademiro Alves, o Sacolinha, com o patrocínio do Programa de Ação Cultural (ProAC LAB) mostrou como a arte é mobilizadora para criar animações urbanas e trazer inovação social, como vem desafiando a crise sanitária. Foram contratadas 40 pessoas e gerados 22 empregos indiretamente.

 

Um dos destaques da ação foi seu caráter social. Além de promover mobilidade ativa aliando arte e sustentabilidade dentro das comunidades, a atividade contribuiu para gerar trabalho e renda não somente aos artistas – público amplamente afetado pela pandemia. A equipe se empenhou em seguir todos os protocolos sanitários impostos pela pandemia. Foram utilizados 2 litros de álcool em gel e distribuídas 100 máscaras.

 

O Festival revitalizou um total de dez muros e realizou 23 plantios de árvores. Além disso, 200 mudas de hortaliças foram distribuídas à população pelo Instituto Agroterra na Comunidade. Todo lixo produzido (latas de tintas, copos de água, saquinhos de lanche etc) está sendo encaminhado para a reciclagem.

 

As atividades tiveram início na quinta-feira (12 de agosto), com a capinação das calçadas, pintura e limpeza dos muros. No sábado (14/08) teve início a grafitagem e poesia nos muros, além do plantio das árvores, que continuaram no domingo. Durante a ação, um carro de som percorreu cada local revitalizado para apresentar os saraus literários.

 

Ao todo, 30 artistas mostraram seu trabalho no Festival, entre grafiteiros, poetas, dançarinos e músicos. A equipe agora se debruça na produção de um documentário cinematográfico sobre a ação e também dos cartões postais das artes produzidas nos muros. Serão confeccionados 10 mil postais para serem distribuídos gratuitamente.

 

Na avaliação do coordenador, o escritor Sacolinha, o Festival superou as expectativas e mostrou como a arte tem poder maior que o político para promover a transformação social:

 

“Eu poderia citar dezenas de situações que fizeram esse festival valer à pena, mas vou me ater somente à questão do público que circulou pelas intervenções. Cada olhar, cada sorriso, cada sinal de joia e cada buzina, confirmaram o quanto a arte e os eventos culturais são necessários na periferia. Eu já sabia disso, mas a pandemia escancarou ainda mais essa necessidade”, ressaltou.




domingo, agosto 08, 2021

Festival Literário

PROJETO LITERATURA DAS BORDAS, APRESENTA:
2º FESTIVAL LITERATURA E PAISAGISMO - REVITALIZANDO A QUEBRADA


PS: O Festival está sendo organizado de modo a não promover aglomerações. Por isso o motivo de não divulgarmos os endereços onde irão ocorrer as intervenções. A ideia é que tenham acesso ao festival somente os moradores que estejam circulando pelos locais.