quarta-feira, janeiro 17, 2007

Eu odeio a telefônica!

A partir de agora eu declaro guerra á Telefônica, esta empresa está prestando um deserviço á população brasileira. Não é de hoje que ela é campeã de reclamações nos serviços de Proteção ao Consumidor, e mais, é campeã em não resolver os problemas que originaram as reclamações.
Eu estou sofrendo um descaso com a Telefônica desde que assinei a linha, no ano de 2003. Ela vive com problemas, ora com ruídos que dificulta o contato, ora mudo. Ora sem explicações, ora sem resoluções.
E piorou depois que eu assinei o sinal de Speed. Fiquei com os nervos á flor da pele. E mais pior ainda é que eu não posso cancelar o serviço antes de 07 de julho deste ano, senão pagarei uma multa de alto valor, que compensa ficar com o serviço até esta data.
Estou declarando guerra á telefônica por tudo isso. Declaro guerra, porque me deixam 20 minutos aguardando para ser atendido, e quando consigo falar com alguém, ou me enrolam até eu desligar ou desligam a ligação.
Tremendos filhos das putas.
Declaro guerra pela falta de preparo dos atendentes, que só lhe tratam bem quando querem oferecer novos produtos.
Antes desse mês acabar vou publicar na internet um conto sobre a minha relação com esta empresa. Vou me vingar, ah se vou.
Não quero detecta, não quero o Kit Tô Aqui, não quero secretária eletrônica e muito menos tratamento eletrônico. Só quero ser um cidadão não ludibriado. Só quero explicações sobre os números interurbanos e celulares que eu nunca vi na minha vida e apareceram nas minhas contas.
Alguém aí pode me ajudar?
Parabéns Caros Amigos, pela matéria "Alguém aí também odeia a telefônica?" publicada na edição deste mês. A imprensa bem que poderia seguir o exemplo e cair em cima desta empresa
Eu também odeio a telefônica!
Sacolinha, cidadão roubado e indignado
com os serviços da Telefônica.

Um comentário:

rodrigo ciríaco disse...

eu também odeio a telefôniica!
solidariedade sacola.